Fique por dentro de 6 dicas para economizar água em casa

Conhecer dicas para economizar água é uma atitude que tem como propósito instruir as pessoas a preservar o planeta e proteger o bolso de quem paga as contas no final do mês. Por isso, além da conscientização, é preciso ter uma ação contínua e perpetuar para os demais moradores da residência.

Apesar de ser um recurso natural, o uso irracional e desenfreado está em uma velocidade maior do que a própria renovação, o que interfere nas diversas rotinas pessoais e profissionais, causando problemas para todos os habitantes.

Soma-se a esse cenário as constantes mudanças climáticas, como a falta de chuva nos períodos esperados do ano, tempos de seca em maior proporção nos estados brasileiros e o aumento do consumo de água na população.

Por isso, se você quer ter esse recurso por muito mais tempo em sua vida, detalhamos algumas dicas para economizar água. Acompanhe conosco!

1. Feche a torneira enquanto escova os dentes

A escovação dentária é um procedimento essencial para toda a população, porém muitas pessoas acabaram adquirindo hábitos que foram repassados de gerações anteriores e aparentemente sem propósito.

Esse é o caso de quem escova dentes e mantém a torneira aberta antes do bochecho e do enxágue. Alguns podem dizer que é mais prático ou quem simplesmente não observam esse comportamento.

No entanto, se calcularmos o quanto de água é desperdiçada nessa atividade, seria possível irrigar canteiros de flores, legumes, e até abastecer um pequeno vilarejo com essa quantidade perdida.

Por isso, é fundamental que as pessoas se conscientizem que não existe um objetivo plausível para manter a torneira aberta durante o processo de escovação. Uma dica para facilitar essa mudança de comportamento, é colocar pequenos lembretes no banheiro ou deixar um copo com água para o enxágue bucal.

2. Evite banhos demorados

Os banhos demorados e quentes trazem prejuízo para o indivíduo que adota esse comportamento e para o planeta que perde litros de água. Enquanto a pele fica mais ressecada, perdendo a elasticidade natural, o chuveiro jorra litros de água.

Dessa forma, é aconselhável cronometrar o tempo de banho, considerando o mínimo para lavar e enxaguar bem todas as partes do corpo. Outras atividades devem ser reservadas para antes do banho, como fazer a barba ou se depilar.

Todavia, essa mudança de comportamento é algo complexo, pois muitos indivíduos relatam que esse momento é sagrado e o único em que é possível um relaxamento após um dia tenso de trabalho.

Como alternativa a esse argumento, pode-se sugerir outros métodos de relaxamento aliados à conscientização sobre o volume de água gasto no chuveiro, bem como o valor da conta ao final do mês.

3. Otimize a lavagem de roupas

A máquina de lavar roupas é um dos aparelhos que mais consome água em uma residência, por isso, seu uso deve ser o mais racional possível. Uma das formas de melhorar essa utilização é a otimização da lavagem de roupas.

Isso acontece quando os indivíduos que moram na mesma residência decidem por um dia e um horário específico para a lavagem de todas as roupas. Assim, o uso determinado pode diminuir o consumo de água, uma vez que a máquina não será ligada para lavar pouco volume de roupa.

Para aqueles indivíduos que não têm uma área para a secagem de roupas, recomenda-se que os dias e horários sejam mais flexíveis, ou que se avalie o custo de contratar os serviços de uma lavanderia terceirizada.

Outros eletrodomésticos também podem ser pensados para que sejam utilizados em sua maior capacidade, como a lavadora de utensílios de cozinha, para que o consumo de água seja racional.

4. Fazer reparos hidráulicos

Uma gota caindo frequentemente no banheiro, na pia da cozinha, no tanque, ou em outros lugares, além de fazer um barulho irritante, consome grande quantidade de água se o conserto não for feito rapidamente.

Esse prejuízo, além de financeiro, provoca um desperdício significativo de água que poderia ser utilizada de forma adequada para outras finalidades, evitando transtornos para o morador e para os demais condôminos, caso esse processo ainda seja coletivo.

Por isso, ao menor sinal de gotejamento sem explicação, acúmulo de poças d’água ou vazamentos na moradia que possam prejudicar o apartamento vizinho, é fortemente aconselhável buscar por ajuda especializada.

Outra situação que requer reparos imediatos é quando acontecem problemas na caixa d’água, prejudicando o abastecimento desse insumo para todos os moradores. Por isso, o conserto deve ser feito o mais rápido possível para evitar desperdícios significativos.

5. Compre chuveiros e privada econômicos

O consumo consciente da água é uma proposta que vem sendo abraçada também pelos fabricantes de eletrodomésticos que utilizam esse recurso. Nesse sentido, muitos equipamentos já se adequaram a essa funcionalidade.

Sendo assim, os chuveiros e privadas econômicos podem reduzir significativamente a quantidade de água utilizada durante o processo e ser uma boa opção de compra para os moradores.

Os vasos sanitários mais modernos regulam o volume de água conforme a necessidade, assim como os chuveiros que se adaptam seu layout conforme o volume de vazão do líquido que será despejado.

6. Comece com pequenas atitudes

As dicas para economizar água devem envolver uma conscientização coletiva de todos os moradores para que seja realmente eficiente. No entanto, mudanças radicais podem desestimular quem ainda não se sensibilizou com a causa.

Dessa forma, pequenas atitudes são fundamentais para que a sensibilização seja gradativa e também duradoura. Por isso, é recomendável abordar o desperdício da água durante a escovação dentária e depois sugerir mudanças na lavagem de roupas.

Em seguida, mostre como as mudanças na redução do desperdício de água podem trazer benefícios significativos para o planeta, além da economia de gastos com as contas domésticas.

Entender as dicas para economizar água é crucial para se conscientizar e demonstrar para os demais moradores de uma residência como essas mudanças podem impactar o desperdício de recursos e a economia de gastos. Para tanto, é fundamental que todos entendam sobre a complexidade do problema e modifiquem as suas ações em prol da preservação do planeta, principalmente em reparar pequenos danos na casa que podem influenciar a rotina de todos os moradores.

E você, gostou do nosso texto? Então, não deixe de compartilhar nas suas redes sociais para quem precisa dessa informação!


Fortaleza Desentupidora

Desentupidora 24h em São Paulo.
R. Javaés, 626/630 São Paulo, SP
Tel: 0800-3333-3000

Atendimento premiado

Vencedora por 8 anos consecutivos do Prêmio Internacional Quality Brasil em atendimento.

Garantia de qualidade

Todos os nossos serviços oferecem prazo de garantia.

Sustentabilidade

Respeitamos o meio ambiente e nossos procedimentos incluem apenas descarte de esgoto em estabelecimentos credenciados.