Coronavírus: saiba como higienizar a casa do jeito certo

Limpeza é um assunto que sempre foi tratado aqui no blog e ela nunca foi tão necessária quanto agora, com a pandemia de COVID-19. Sem nenhuma vacina ou tratamento efetivo, as únicas ferramentas são o distanciamento e o isolamento social, além da higienização correta.

Acontece que não adianta apenas lavar bem as mãos e utilizar máscaras. Também é fundamental entender como higienizar a casa de forma adequada! Essa é uma atitude estratégica e inteligente, que mantém os ambientes limpos e protege toda a família do novo coronavírus. Afinal, ele tende a sobreviver por horas e até dias em determinadas superfícies.

Como o lar é o nosso maior refúgio neste momento, precisamos adotar as melhores técnicas na hora de limpar os espaços. Por isso, selecionamos as principais dicas de modo que você realize uma higienização de qualidade. Confira e coloque em prática!

Use os produtos certos

No início da pandemia, vimos os estoques de álcool em gel se esgotarem em diversas regiões no país. Esse produto é, de fato, importante para a higienização das mãos, mas ele deve ser priorizado apenas para quem precisa ir à rua ou a estabelecimentos públicos, como mercados, farmácias e transporte.

Enquanto estivermos dentro de casa, o sabão funciona muito bem, não só para lavar as mãos com frequência, mas também para realizar a limpeza da casa e de objetos pessoais. Junto a esse produto, podemos citar o álcool líquido (com concentração de 60 a 80%), o cloro e a água sanitária, que conseguem igualmente “quebrar” a camada lipídica do vírus — uma espécie de capa de gordura, que facilita a contaminação.

Contudo, vale ressaltar que o Conselho Federal de Química (CFQ) recomenda uma diluição de apenas 25 ml de água sanitária para um litro de água. Aqui, ainda podemos citar os desinfetantes e os limpadores multiuso, que agem da mesma maneira sobre a estrutura do coronavírus. Para todos os casos, lembre-se de utilizar luvas domésticas!

Lave as roupas com mais frequência

Por mais que tomemos o maior cuidado, mantendo o distanciamento e nos isolando socialmente, precisamos sair para atividades essenciais, como ir ao mercado ou à farmácia. Ainda existem aquelas pessoas que precisam continuar trabalhando, o que faz ser necessário redobrar os cuidados de higiene.

Diante dessa realidade, devemos lavar as roupas com mais frequência, já que não é seguro utilizar as mesmas peças ou mantê-las no corpo dentro de casa. O mais recomendado é retirar o vestuário o quanto antes e reservá-lo para a lavagem. Em relação aos calçados, eleja um par para sair (e deixar do lado de fora) e outro para calçar dentro de casa.

O mesmo cuidado vale para as toalhas de banho e roupas de cama, como fronhas e lençóis. Esses tecidos estão em frequente contato com o corpo e, por isso, devem ser trocados com uma frequência maior e lavados com cuidado. A lavagem tradicional, com água e sabão, já é suficiente para eliminar o perigo da COVID-19.

Limpe celulares e computadores

Qualquer objeto pessoal ou equipamento com manuseio recorrente também deve entrar na lista de limpeza, como é o caso de computadores e, principalmente, de celulares. Nesse caso, é possível utilizar o álcool em gel ou líquido (de preferência o isopropílico), como recomendamos no início.

O cuidado extra está em usar dois panos, um umedecido com o produto e outro seco — e limpo! — para retirar o excesso. Essa higienização é bastante eficaz e protege usuários que, inclusive, compartilham os mesmos equipamentos em casa. Se possível, estenda a prática para outras superfícies, como eletrodomésticos, controles remotos, puxadores, interruptores, maçanetas e até mesmo brinquedos infantis, se for o caso.

Mantenha as janelas abertas

A circulação de ar é uma maneira muito eficaz de evitar a proliferação de mofo, bactérias e vírus. Por isso, para combater a pandemia, também devemos tomar a mesma precaução, mantendo as janelas abertas o máximo que pudermos. A dica vale para todos os ambientes, mas, para aqueles mais úmidos — como banheiros e cozinha —, deve existir um cuidado especial.

A COVID-19 age como outros vírus: gosta de ambientes fechados e com o ar parado, duas condições perfeitas para a sua disseminação e para o contágio. Nesse cenário, por mais que o friozinho do inverno nos instigue a deixar tudo fechado, libere a ventilação natural por, no mínimo, duas horas diárias.

Evite trazer objetos de fora

Se a família está realizando o isolamento e há o mínimo de circulação de pessoas na casa, a limpeza pode seguir uma rotina habitual — uma vez por semana já é o suficiente. Agora, se algum morador ainda precisa sair com frequência ou se existe alguém doente, é recomendado aumentar a frequência de higiene.

Outro fator que ajuda muito nessa higienização correta é evitar objetos trazidos da rua, como é o caso dos calçados, que citamos anteriormente. Para isso, você pode escolher uma área específica a fim de deixar esses sapatos, além de roupas e outros objetos sujeitos à contaminação.

Considerando os itens comprados no mercado, por exemplo, é interessante higienizá-los com algum produto antes do consumo, lavando as mãos em seguida. Cuidado nunca é demais, não é mesmo? Tenha essa precaução ao fazer compras ou receber algum delivery, pois isso ajuda a evitar qualquer possibilidade de contágio.

Todas essas medidas colaboram bastante para prevenir a contaminação pelo vírus da COVID-19, porém, se alguém ficar doente, o ideal é que as medidas sejam reforçadas. Além da limpeza mais frequente, é interessante que a própria pessoa infectada realize a higienização do ambiente em que está confinada.

Se isso não for possível, o responsável deve usar máscara e tomar todos os cuidados para não colocar as mãos no rosto, por exemplo, enquanto realiza a tarefa. O lixo produzido também deve ser descartado separadamente!

Por fim, todas as dicas de como higienizar a casa recomendadas até aqui devem ser feitas com luvas, para trazer ainda mais proteção. Elas, assim como os outros utensílios utilizados, também precisam ser igualmente higienizadas após a faxina e secadas adequadamente.

Agora que você já sabe como limpar o lar nesse momento delicado da pandemia de COVID-19, não deixe de continuar se informando! Curta a nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as novidades sobre o assunto!


Fortaleza Desentupidora

Desentupidora 24h em São Paulo.
R. Javaés, 626/630 São Paulo, SP
Tel: 0800-3333-3000

Atendimento premiado

Vencedora por 8 anos consecutivos do Prêmio Internacional Quality Brasil em atendimento.

Garantia de qualidade

Todos os nossos serviços oferecem prazo de garantia.

Sustentabilidade

Respeitamos o meio ambiente e nossos procedimentos incluem apenas descarte de esgoto em estabelecimentos credenciados.