Entenda as principais diferenças entre desinsetização e desratização

Fazer a desinsetização e desratização da casa ou apartamento são etapas importantes para manter a saúde e o bem-estar dos moradores. Esse cuidado ajuda não só a proteger as pessoas dessas invasões indesejadas, como também preserva a estrutura do local.

Porém, algumas pessoas confundem os termos e acham que com apenas uma das aplicações, estão totalmente protegidas.

Neste post, vamos explicar melhor as diferenças entre os dois processos. Acompanhe!

O que é a desinsetização e a desratização?

Entender a diferença entre os dois processos permite a adoção do método mais adequado de controle da praga, consistindo em resultados mais eficientes e menos tóxicos aos humanos.

Desinsetização

A desinsetização é o processo de eliminação ou controle de pragas, sejam voadoras ou rasteiras. Entre os animais afastados com esse tratamento, podemos citar: baratas, aranhas, pulgas, escorpiões, formigas, mosquitos, traças, lacraias, moscas e pernilongos.

Esse trabalho pode ser feito com o uso de técnicas de pulverização, atomização e polvilhamento.

Desratização

A desratização é o serviço de eliminação de roedores, identificando os focos de infestação e removendo os ratos do local. Esse trabalho requer a identificação do tipo de animal que está no lugar, assim como uma avaliação do ambiente.

Além de provocar prejuízos, ratos podem propagar diversas doenças, algumas levando à morte, como a leptospirose.

Em quais aspectos os termos se diferenciam?

A confusão entre a desratização e a desinsetização se dá porque a eliminação de pragas era feita com a ajuda de um veneno chamado DDT, dando origem ao termo dedetização. Esse inseticida foi amplamente usado a partir da segunda metade do século XIX.

Após a descoberta de que essa substância causava sérias doenças aos humanos, o controle de pragas passou a ser feito com substâncias menos agressivas, mas também muito eficientes, originando a desinsetização e a desratização.

Conheça melhor as diferenças entre cada um.

Pragas

Como o próprio nome indica, a desratização serve para acabar com a infestação de ratos no local, enquanto a desinsetização elimina insetos. É importante detectar qual problema o incomoda ou até mesmo optar pelos dois tratamentos, sabendo que têm utilidades diferentes.

Técnicas

A desratização utiliza produtos químicos em iscas colocadas de maneira estratégica no local, além do uso de caixas, gaiolas e alçapões. Já a desinsetização utiliza inseticidas granulados ou em gel inseridos nos focos de contaminação, como rachaduras, orifícios e fendas.

Ambiente

Para cada ambiente, é necessário fazer um estudo prévio sobre os riscos do uso de substâncias, definindo as mais adequadas para o combate de cada praga. Lugares como hospitais e restaurantes são mais sensíveis e precisam de métodos mais cuidadosos de controle.

Independentemente se o local precisa de desinsetização ou desratização, é essencial contar com uma empresa especializada para o serviço. Além de conhecer exatamente a substância mais adequada e os pontos de foco, esses profissionais conseguem realizar a limpeza do ambiente com toda a proteção necessária, evitando que você e sua família sofram com qualquer contaminação.

Aproveite a leitura sobre o assunto e confira outro artigo importante sobre uma praga que tem se tornado muito comum: aprenda como evitar escorpiões em casa.


Fortaleza Desentupidora

Desentupidora 24h em São Paulo.
R. Javaés, 626/630 São Paulo, SP
Tel: 0800-3333-3000

Atendimento premiado

Vencedora por 8 anos consecutivos do Prêmio Internacional Quality Brasil em atendimento.

Garantia de qualidade

Todos os nossos serviços oferecem prazo de garantia.

Sustentabilidade

Respeitamos o meio ambiente e nossos procedimentos incluem apenas descarte de esgoto em estabelecimentos credenciados.